Brasil é 5º em mortes associadas ao álcool no continente americano

Pesquisa foi realizada pela Opas e OMS

Compartilhe este conteúdo

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email
De acordo com uma pesquisa publicada na revista Addiction e realizada pela Opas Organização Pan-Americana da Saúde e da OMS Organização Mundial da Saúde, uma das maiores causas de morte no continente americano tem sido o consumo de álcool. Para tristeza dos brasileiros, o País ainda ficou localizado no quinto lugar em número de mortes por esse motivo. O estudo foi baseado nas mortes em decorrência do consumo de álcool em 16 Países da América do Norte e América Latina entre o ano de 2007 a 2009.
 
O resultado mostra apenas a ponta do iceberg de um problema ainda maior, já que o consumo de bebida alcoólica também está ligada a vários tipos de problemas como, doenças do coração e cerebrovasculares, acidentes de trânsito, lesões com armas de fogo, suicídios e alguns tipos de câncer.
 
A taxa de consumo de álcool varia muito entre os países, sendo que El Salvador é o País com a taxa mais alta, registrando cerca de 27,4 em 100 mil mortes por ano, o segundo lugar fica com a Guatemala que chega a 22,3. O terceiro lugar ficou com a Nicarágua que tem o percentual de 21,3, enquanto o quarto lugar, o México chega a 17,8.
 
Conforme já mencionado, o Brasil vem em quinto lugar, o percentual de mortes por bebidas alcoólicas no País é de 12,2, um número bem superior ao de Países como Colômbia que é de 1,8, Argentina 4,0, Venezuela 5,5, Equador 5,9, Costa Rica 5,8 e no Canadá 5,7.
 
Em outros Países nos quais foram realizados os estudos foi detectado que 84% das mortes ligadas ao consumo de álcool se dá com homens. Em meio ao estudo, o fator idade também foi considerado e chegou-es ao resultado de que a grande maioria das pessoas que morrem por conta do álcool tem idade aproximada entre 50 e 69 anos nos na Argentina, Canadá, Costa Rica, Cuba, Paraguai e Estados Unidos.

Outras postagens

Rolar para cima