Fleury e Einstein lideram lista de empresas mais hospitaleiras

Saúde ganha destaque em ranking no relacionam com clientes

Compartilhe este conteúdo

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email
O grupo de medicina diagnóstica Fleury foi eleito a empresa mais hospitaleira do Brasil pelo quinto ano consecutivo, revelou esta semana o Instituto Brasileiro de Hospitalidade Empresarial (IBHE), que edita a pesquisa “Hospitalidade Empresarial”. O ranking com as cinco companhias mais hospitaleiras considera entrevistas feitas com 500 profissionais de mercado.
 
Empresas de saúde tiveram destaque no ranking. O Fleury foi o mais citado, com 25 indicações, seguido pelo Hospital Albert Einstein, empatado com a Natura (ambos com nove indicações). Fleury e Einstein oferecem, segundo os entrevistados, atendimento hospitaleiro em vários pontos de contato com o cliente.
 
Em quarto lugar ficou a Porto Seguro, com oito indicações, citada pelo atendimento e, em quinto, a Rede Accor de hotéis, com cinco indicações. Beatriz Cullen, diretora do IBHE, diz que criar boas experiências para o cliente por meio da prestação de um bom serviço passaram a ser commodities.
 
Conclusões
 
Alguns índices averiguados poderão nortear as ações das empresas. Por exemplo: práticas da hospitalidade devem estar presentes em todas as áreas das empresas, segundo 69% dos entrevistados. Para 17% esta é uma atitude ainda restrita aos call centers, centrais de relacionamento e SACs.
 
Para 40%, para colocar em prática a hospitalidade é necessário mudar processos, comunicação, pessoas e o ambiente, sendo que os treinamentos e os exemplos da alta direção são considerados fundamentais mudar a cultura das empresas. Para Beatriz, a hospitalidade não está apenas ligada aos setores de atendimento ao consumidor, e deve estar atrelada às áreas de recursos humanos e administrativa, diz.
 
Quando perguntados sobre qual o atributo que melhor caracteriza a hospitalidade empresarial, 27% acha é que o respeito ao outro, 21% acolhimento, 18% confiança e 13% encantamento. Para 30%, a hospitalidade pode melhorar o relacionamento; 19% acredita ser um diferencial frente a concorrência e 18% é um meio de fidelização.

Outras postagens

Rolar para cima