Yussif Ali Mere Jr fala à Rádio Estadão sobre repasses de verba

Presidente da FEHOESP e do SINDHOSP critica o que considera clientelismo

Compartilhe este conteúdo

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email
Nesta quarta-feira, 8 de janeiro, o SINDHOSP foi procurado pela Rádio Estadão para comentar a Lei de Diretrizes Orçamentárias, sancionada pela presidente Dilma Roussef, e que concede repasse de recursos para que instituições privadas sem fins lucrativos do setor de saúde realizem obras e ampliação de suas instalações. A medida, que chegou a ser vetada pela própria presidente no ano retrasado, agora foi sancionada. 
 
Em entrevista concedida a jornalista Alessandra Romano, o presidente da FEHOESP e do SINDHOSP, Yussif Ali Mere Jr, criticou a maneira como o governo distribui seus recursos, atuando com "clientelismo". Afirmou que o correto seria remunerar de maneira justa os prestadores de serviços, revendo efetivamente a tabela SUS, evitando repasses eventuais que dependem da "boa vontade" do governo. 
 

Outras postagens

Rolar para cima